Diretor

A música ajudando a formar cidadãos

Dr. Gézio Medrado

O ensino de música nas escolas brasileiras tornou-se obrigatório em 2008. Sempre à frente das tendências em educação e reconhecendo todos os benefícios que a música proporciona, o Colégio Batista Brasileiro oferece aulas de musicalização há muitos anos, mesmo antes da exigência legal.

A musicalização infantil tem grande impacto, principalmente na vida adulta, pois contribui para o desenvolvimento motor, psíquico e cognitivo do ser humano. A música tem o poder de apurar a percepção auditiva e estudos comprovam que as crianças com acesso à musicalização têm melhor aproveitamento e facilidade na leitura e escrita, conseguindo distinguir melhor os sons, além de potencializar a concentração.

O ensino de música vem evoluindo ano a ano em nosso Colégio. Nossos professores passam por cursos periódicos de aperfeiçoamento, sempre com o objetivo de oferecer aos nossos alunos o que há de mais moderno e adequado a cada fase do aprendizado da música.

Na educação infantil, a música é apresentada de forma lúdica através de brincadeiras ou histórias com as quais as crianças aprendem a descobrir e identificar os sons. Quando chegam ao Ensino Fundamental é que elas começam a ter contato com os instrumentos.

Nesse período, o aluno é estimulado a ouvir música e estilos musicais diferentes, cantar e também a estudar os compositores. Então, toda vez que ele ouve uma música, tem que entender tudo o que está por trás de cada canção: quem é o compositor, sua história, quais instrumentos foram usados na composição, o que a letra quis dizer etc.

Os alunos do 2º ao 5º ano aprendem os hinos pátrios e ainda temos as músicas que são cantadas nas festas do Dia das Mães, dos Pais e nas festividades do CBB, como a Semana Lítero-musical.

As aulas práticas de música são realizadas uma vez por semana, e os alunos podem escolher o instrumento de sua preferência. Nosso objetivo é despertar a musicalidade no aluno, mas sempre com o cuidado de ensiná-lo a tocar da forma correta o instrumento, produzir o som e também criar o repertório que produzirá no decorrer do ano letivo.

Diferente de outras disciplinas, os alunos não são avaliados nas aulas de música, ou seja, não ganham ou perdem pontos, pois o que avaliamos é sua evolução em termos de musicalidade. Procuramos entender se o aluno está se envolvendo, se divertindo, se está melhorando sua percepção musical, rítmica e melódica, e o mais importante: se está praticando os aspectos sociais que também são aprendidos nas aulas de música, como a interação, a união e o respeito ao próximo.

Anualmente desenvolvemos um projeto que trabalha efetivamente o aprendizado do instrumento, no qual avaliamos o desenvolvimento e envolvimento do aluno com a música. O tema deste ano foi “A família” e os alunos tiveram que pesquisar sua ascendência, a música que era tocada na infância de seus familiares, a origem das músicas etc. Essa tornou-se uma atividade interessante, pois tivemos famílias de outras nacionalidades ensinando a cantar em outros idiomas, o que comprova que as aulas de música conseguem ser transversais, pois já tivemos projetos musicais com a Matemática, em que ajudamos as crianças a memorizar a tabuada; com Ciências, abordando as fases da Lua, e outros temas que fazem parte de disciplinas comuns da grade curricular.

Tendo em vista todos os benefícios da música e como a participação familiar é imprescindível para o sucesso do trabalho educacional realizado no CBB, contamos com o apoio das famílias incentivando também dentro de casa o gosto pela música, que é uma arte reconhecida pelo poder de aproximar e unir as pessoas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *